CONTATO (contato@professorpina.com) | BUSCA: Todos os posts | RSS | Conceitos filosóficos

PUBLICAÇÕES

17/2/2019
Por: Professor Fernando Pina

6/2/2019
Por: Professor Fernando Pina

29/7/2018
Por: Prof. Pina

13/6/2017
Por: Professor Pina

19/5/2017
Por: Professor Pina

P�gina 1 de 13 - Primeira Anterior [ 1 ] 2 3 4 5 Próxima Última

27/3/2017
Por: Professor Pina

A origem da filosofia

Compartilhe

Resumo baseado no livro didático de Marilena Chauí "Iniciação à Filosofia", edição 2013. (Cap. 3 p.28)

A filosofia surge quando o ser humano descobre a razão. Isto é, na medida em que começa a desconfiar das explicações grandiosas e fantásticas das narrações míticas e a questionar sobre a origem e a ordem de tudo, e as mudanças constantes das coisas.

É óbvio que o pensamento racional e a desconfiança mítica não foram acontecendo da noite para o dia, pois foi um processo lento da história do pensamento grego.

O pensamento mítico tendia explicar a origem dos deuses (teogonias) e do universo (cosmogonia). 

Os estudiosos chegaram à conclusão de que as contradições e limitações dos mitos (narrativas) para explicar a realidade natural e humana levaram a filosofia a retomá-los, porém reformulando e racionalizando essas narrativas, transformando-as em explicações novas. A filosofia promove então a cosmologia. 

Os primeiros filósofos foram chamados de pré-socráticos e teriam surgidos no fim do século VII a.C. na cidade de Mileto, uma das colônias gregas da Ásia Menor. E o primeiro filósofo foi Tales de Mileto.

Vários fatores históricos favoreceram ao surgimento da filosofia, sendo destacados:

- as viagens marítimas, que possibilitou a troca de informações com outros povos, além de provocar o desencantamento de muitas narrativas que diziam ser no mar um grandioso cenário mítico;

- a invenção do calendário, que possibilitou o cálculo do tempo segundo as estações do ano, as horas, o ano, dando a percepção de ciclos naturais;

- a invenção da moeda que revelou a capacidade de abstração do ser humano e intensificou as trocas comerciais;

- o desenvolvimento da vida urbana, com a pluralidade de ideias, de costumes e de novas formas de disputa pelo poder;

- a invenção da escrita alfabética, que possibilitou registros materiais e mais concretos quebrando com as narrativas orais ou registros sacros por imagens ou signos sagrados;

- a invenção da política com as ideais da lei, formulada pelos legisladores de forma racional, o espaço público de debate e discussões acerca dos rumos da cidade e a ideia de espaço público distinguindo-o do âmbito privado.

Os gregos deixaram para nós que há diferença entre o necessário (o que não pode ser se não como é) e o contingente (o que pode ser ou não ser), bem como a diferença entre o acaso (o que pode ou não acontecer na natureza) e o possível (o que pode ou não acontecer no âmbito humano).

Exercício:

1)    Explique como a filosofia surgiu.

 

2)    Exemplifique: necessário; contingente; acaso e possível.

Inscreva-se e fique por dentro de nossas novidades!

Leia também...

Por: Professor Fernando Pina

Plano de Curso Anual de Filosofia para o Ensino Médio com base no livro didático Reflexões: Filosofia e cotidiano de José Antônio Vasconcelos

s

Por: Professor Fernando Pina

Plano de Curso Anual de Filosofia para o Ensino Médio com base no livro didático Reflexões: Filosofia e cotidiano de José Antônio Vasconcelos

s

Por: Prof. Pina

Questões de filosofia no Enem 2017

s

Por: Professor Pina

Principais períodos da história da filosofia

s

Por: Professor Pina

Links sobre assuntos de filosofia trabalhados no Ensino Médio

s Mais

BUSCA: Todos os posts
Inscreva-se e fique por dentro de nossas novidades!



Significados de conceitos filosóficos:

Lista de conceitos filosóficos

2015 - Desenvolvido por publicasite.com

Todos os posts

Pesquisa de conceitos filosóficos